Os limites da estratégia de desgaste (“guerra de posição”) para a revolução no ocidente

[Por Santiago Marimbondo] Em política, a luta pela significação de determinados conceitos é parte importante das disputas a serem levadas a cabo; as diferentes correntes de opinião, grupos, partidos políticos buscam se apropriar de alguns termos e conceitos chave para a partir deles construir sua visão de mundo e basear sua ação e suas perspectivas.... Continue lendo →

Anúncios

Ciclo petista: revolução passiva ou frente popular preventiva?

[Por Santiago Marimbondo] “A tradição de todas as gerações mortas oprime como um pesadelo o cérebro dos vivos”; assim caracteriza Marx, em seu 18 brumário de Luis Bonaparte, a influência das tradições de luta e organizações passadas sobre a atuação daqueles que “buscam fazer história, mas não de maneira livre e sim em determinadas condições... Continue lendo →

Fantasmas de crise rondam a Argentina; a esquerda brasileira deve acompanhar de perto o desenvolvimento da situação no país vizinho

[Por Santiago Marimbondo] Na última semana sinais de crise passaram a ser cada vez mais visíveis na economia argentina; após uma desvalorização rápida do peso, que chegou a uma depreciação de quase 12% em relação ao dólar, o banco central do país fez seguidas elevações na taxa de juros, que chegou a taxa de 40%... Continue lendo →

Síria, uma guerra com muitas facetas e a política dos trabalhadores

[Por Santiago Marimbondo] O ataque estadunidense na sexta-feira, 13/04, (junto a seus aliados França e Inglaterra) contra posições na Síria que supostamente seriam produtoras e armazenadoras de armas químicas é uma inflexão num cenário internacional já bastante instável e crítico. Numa situação em que as rusgas entre potências se tornavam maiores e mais profundas, com... Continue lendo →

O REVOLUCIONÁRIO E O TRÁGICO/ OU O ANDARILHO E SUA SOMBRA A PARTIR DO PONTO DE VISTA DO ESCRAVO REBELADO

[Por Santiago Marimbondo] Nietzsche, esse chinesinho da classe dominante, em um dos aforismos de seu Zaratustra diz que a virtude do escravo é a rebeldia. Sábio Nietzsche, é essa realmente nossa virtude!!! Rebeldia e uma visão trágica da vida, contudo, não estão em oposição. Não nos rebelamos contra os aspectos imutáveis da realidade, esperando um... Continue lendo →

Denúncia ao racismo de Isadora Esquilo “militante” do grupo RUA – juventude anticapitalista

[Por Santiago Marimbondo] Ontem, 06/04/18, fui vítima de racismo, no facebook, por parte da “militante” do grupo RUA-juventude anticapitalista Isadora Esquilo, que atuou durante algum tempo no movimento estudantil da USP (explico as aspas; respeitaria muito, muitíssimo, a militância de qualquer pessoa de esquerda, mesmo com possíveis diferenças de posição política, pois aquele que mobiliza... Continue lendo →

Reprodução ampliada e metabolismo do capital, a formação do espaço geográfico capitalista/ ensaio

[Por Santiago Marimbondo] O caráter inacabado da obra econômica de Marx deixou espaço para uma série de polêmicas e debates entre aqueles que se reivindicavam continuadores de suas análises. Pontos importantes apareciam ainda como reflexões iniciais, não totalmente desenvolvidas em todas as suas consequências; um desses aspectos fundamentais que ainda necessitavam de desenvolvimento posterior é... Continue lendo →

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑